Plantamed
Última Revisão: 28/05/2014 21:41:00
PÁGINA INICIAL * Plantas por Nomes: POPULARES / CIENTÍFICOS.
Fotos por Nomes: POPULARES / CIENTÍFICOS * GÊNEROS * GLOSSÁRIO * DIVERSOS * PRODUTOS FITOTERÁPICOS

PLANTAMED: GLOSSÁRIO das palavras começadas com ´H´.

Males e Doenças e Indicações Terapêuticas.
A|A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M|N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Z

Click na letra (acima) correspondente à primeira letra do nome que você procura.


HÁLITO MAU: fazer bochechos, gargarejos com o chás de: aperta-ruão, cebola, erva-doce, hortelã, óleo de eucalipto, erva-de-santa-maria, limão, losna, amoreira (folhas), salva, noz-moscada, Gengibre, malva, sálvia, cravo da índia, Carvão Vegetal, zedoária, clorofila. Mascar algumas folhas de ervas aromáticas.

HALITOSE: cheiro desagradável na boca; mau hálito; ozostomia.

HAPLODIPLOBIONTE: ciclo reprodutivo característico de briófitas e pteridófitas, que alternam o modo de reprodução sexuado e assexuado, além de alternarem também as geração haplóides e diplóides.

HAPLÓIDE: célula que contém apenas um genoma. Simbolizada por (n).

HASTE: caule flexível típico das plantas herbáceas.

HELMINTO:designação comum e imprecisa a todos os animais alongados de corpo mole; helminte, vermes; lombrigas; oxiúros; ancilóstomos; abacate (10g de casca verde da fruta), abóbora (50g a 90g de semente trituradas com 100g de açúcar e 150ml de leite ou então fazer chá da semente), arruda (20g para crianças, pôr sobre o ventre), alho (cru ou com leite), amoreira-preta (chá da casca ou da raiz), araticum (chá das folhas ou das cascas do tronco), artemísia (folhas ou flores), babosa (chá), beijo-de-moça (sementes), butiá-de-vinagre (comer a fruta), buxo (uma xícara de chá feito de tantas folhas quantos anos a pessoa tenha, mais dez, nunca passando de 40 folhas. Tomar em jejum de manhã, uma vez por semana e três semanas seguidas. Durante o dia, tomar um depurativo do sangue como das folhas de laranja-do-mato ou cruzeiro), beldroega (pôr 1/5 de uma garrafa de semente e o resto vinho bom e após 9 dias tomar um cálice por dia e 8 dias seguidos), erva-gorda (o mesmo), cajueiro (fruto), camomila (50g), canforeira, carqueja, casca-de-anta ou cataia (contar os vermes do sangue), catinga-de-mulata, cipó-d'alho, cipó-escada com salsa e cabelo-de-porco, cinamomo (chá das sementes ou folhas), coco (leite), corticeira, couve (suco das folhas), cravo-de-defunto ou chinchílho (a flor), erva-de-bicha ou erva-de-santa-maria é uma das ervas mais usadas contra os vermes (o suco ou semente com gemada, chá das folhas em leite ou em água), erva-de-bicho, esfregão (semente ou suco do fruto e o chá das folhas em clíster contra amebas), caroba (contra amebas), fedegoso (raiz), feto-macho (30g do pó da raiz), gameleira (leite contra vermes e com maior dose, tênia), guaxuma (semente), Guaco, hortelã, limão (chá da semente ou da casca ralada), quebra-pedra (em leite), mamoeiro (o leite, 10 a 24 sementes por vez, 33g da raiz ralada: tomar no espaço de uma hora), melão-de-são-caetano (folhas e suco), mentruz (chá), pessegueiro (pôr folhas esmagadas em cataplasma sobre o ventre da criança), outra maneira de usar é 2g de folhas numa xícara de leite, pitanga, rábano (semente), rabanete (semente), mamona (3 a 4 sementes), melancia (semente), manga (brotos e amêndoa), romanceira (50g da casca do pé ou raiz), tremoço (semente), Óleo de Alho, erva-de-bicho, romã (casca), simaruba. As gestantes devem tomar cuidado em tomar vermífugos porque podem afetar o feto, a não ser usar alho, mentruz, hortelã, arruda, artemísia, beldroega, camomila-da-alemanha, centáurea-do-brasil, centáurea-menor, erva-de-santa-maria, fedegoso, gameleira, hortelã, hortelã peluda, hortelã rasteira, jatobá, limão, lombrigueira, marupá-do-campo, pau-dálho, persicária.

HEMÁCIA: glóbulo vermelho ou eritrócito; célula vermelha do sangue; possui hemoglobina e é responsável pelo transporte de gás O2 e CO2.

HEMATÊMESE: hemorragia proveniente do estômago; vômito de sangue; tamarindo. Tomar, aos goles, um copo d´água, misturada com limão ou sal. Colocar compressas frias sobre o estômago. Repouso absoluto em posição horizontal. Abstinência de alimento até a chegada do médico.

HEMICRANIA: dor em um dos lados da cabeça.

HEMIPLEGIA: paralisía que afeta um só lado do corpo; é causada ordinariamente por uma lesão do encéfalo, como hemorragia, congestão, amolecimento, embolia, etc.; limão. Chamar o médico.

HEMOFILIA: tendência anormal de forte hemorragia devida a um distúrbio químico que intervém na coagulação do sangue. É congênita e hereditária. Somente o homem contrai a moléstia, a qual lhe é transmitida pela mãe; limão. Aplicar gêlo sobre o nariz e o pescoço. Chamar o médico em caso de muita perda de sangue.

HEMÓLISE: destruição dos glóbulos vermelhos do sangue, com liberação de hemoglobina.

HEMOPTISE: hemorragia bronco-pulmonar. A emissão do sangue pelas vias respiratórias e/ou boca, por laceração dos vasos sanguíneos de calibre mais ou menos grosso dos brônquios ou dos alvéolos pulmonares, produzida por alteração de suas paredes, por aumento da pressão interna, por estôrvo do sistema nervoso vasomotor ou por ruptura de um aneirisma; aroeira, buranhém, cipó-chumbo, erva-dutra, erva-tostão, jaborandi, urtiga-vermelha, Castanha da Índia. Buscar o médico.

HEMORRAGIA INTERNA: barbatimão (irrigação vaginal), canforeira (chá), casca-de-anta, mil-em-rama (chá), bolsa-de-pastor (chá), assa-peixe (raiz), urtigão (raiz chá), fumeiro-brabo (casca da raiz chá), Cavalinha (chá), erva-cidreira (chá).

HEMORRAGIA nasal: batata-de-purga, bolsa-de-pastor, flor-da-noite.

HEMORRAGIA uterina: hemorragia do útero; o mesmo que uterorragia; algodoeiro, bolsa-de-pastor. Consultar um médico.

HEMORRAGIA: derramamento de sangue para fora dos vasos que o devem conter; perda copiosa de sangue. açoita-cavalo (chá), arnica (chá), assa-peixe (chá da raiz), aveia, bananeira (suco da ponta do cacho), bambu (chá da foligem branca nos entre-nos), barbatimão, Cavalinha (chá), bolsa-de-pastor (chá em qualquer caso de hemorragia), calêndula (chá), cambuí (chá), canela (chá), capim-de-burro (chá), erva-tostão (chá), casca-de-anta (chá), erva-de-passarinho (chá das folhas), erva-silvina (chá), gerânio (folhas), girassol (folhas e semente), cordão-de-frade (chá), cenoura (chá), guaxuma (aplicação externa), guaçatonga, fumeiro-brabo (casca da raiz aplicação externa), erva-de-bicho (chá), guandu (chá), mil-em-rama (chá), limão (suco), Guaraná, parreira (folhas em pó), nogueira (chá), pervínca (chá), rabo-de-cavalo (chá), romã (chá folhas e flores), salsa (folhas esmagadas pôr bolinha no nariz que sangra), salva (chá), sete-sangrias (chá), sarçamora (chá e aplicação externa), sempre-viva (chá), taquaruçu (cinza uso externo), trapoeraba (uso interno e externo), sucupira (chá), tansagem (chá), urtiga, urtigão (chá), urucu (semente em pó aplicação externa), uva (semente torrada), pó de casca de ovo (uma colher de chá por dia), algodoeiro, aroeira, erva-de-bicho, jambolão, jatobá, jequitibá, lanciba, quina-do-mato, urtiga-branca, verna, aperta-ruão, Acerola, burahen, jaborandi, lungaciba, mangue-vermelho, piper, quina-do-mato. Banhos frios de assento.

HEMORRÓIDA: dilatação varicosa das veias do reto e/ou do ânus. As hemorróidas podem ser sintomáticas ou idiopáticas. Sintomáticas são as que derivam de causas gerais ou locais de estagnação nas veias do abdômen. Idiopáticas, as que se desenvolvem sem causa preciável ou sob a influência de vida sedentária, de alimentação muito abundante e, abuso de carnes, de temperos, de álcool, por indivíduos hereditariamente predispostos; alecrim, arnica-mineira, camomila-da-alemanha, cascarilha, Castanha da Índia, chagas-de-são-sebastião, centella-asiatica, cerefólio, fumária, fruto de bicuíba, limão, mariricó, melão-de-são-caetano, mil-em-rama, pariparoba, pau-d’álho, persicária, piper, raiz de caixeta, sabugueiro, trapoeraba, ulmária, Ginkgo-biloba, clorofila, açafrão, Alcachofra, Hepatozan (Alcachofra), acelga, Óleo de Alho, araçá, artemísia-do-campo, assa-peixe, batata-inglesa (supositório), barba-de-bode, barba-de-velho (pomada), bardana, beladona (pomada), douradinha, bergamoteira, buxo (folhas), cacto (supositório), chuchu (supositório), caixeta (banhos e tomar), carqueja, calêndula (pomada e chá), café (pó aplicar), caroba, cana-do-brejo, coerana (chá e aplicar), couve (vapores), cipó-d'alho, erva-de-bicho (tomar e fazer banhos), erva-de-santa-maria, erva-de-lagarto, erva-tostão, erva-macaé (pomada e chá), fedegoso, figo, guabirobeira, hortelã, guiné, jurubeba, macela (vapores), maravilha, mandioca (chá dos brotos), manjericão, Maracujá, noz-moscada, parreirinha-do-mato, pata-de-vaca, pé-de-galinha, piteira, pepino, rainha-da-noite, serralha-brava, solda-com-solda, taiuiá, tansagem, tomate, urtiga, verbasco (banhos), vinagreira (banhos), hemorróidas com hemorragias (banhos de assento com água fria e tomar líquidos). Para descongestionar, banhos quentes com verbasco, Psyllium Phytomare, Castanha da Índia, chagas-de-são-sebastião, raiz-de-caixeta. Em caso de ataque agudo, com derramamento de sangue, aplicar banho de assento frio, de 3 a 4 minutos de duração. Regime alimentar adequado; beber líquidos em abundância.

HEMOSTÁTICO: diz-se de ou agente medicinal estancador de hemorragias; anti-hemorrágico; açoita-cavalo (chá), arnica (chá), assa-peixe (chá da raiz), aveia, bananeira (suco da ponta do cacho), bambu (chá da foligem branca nos entre-nos), barbatimão, Cavalinha (chá), bolsa-de-pastor (chá em qualquer caso de hemorragia), calêndula (chá), cambuí (chá), canela (chá), capim-de-burro (chá), erva-tostão (chá), casca-de-anta (chá), erva-de-passarinho (chá das folhas), erva-silvina (chá), gerânio (folhas), girassol (folhas e semente), cordão-de-frade (chá), cenoura (chá), guaxuma (aplicação externa), guaçatonga, fumeiro-brabo (casca da raiz aplicação externa), erva-de-bicho (chá), guandu (chá), mil-em-rama (chá), limão (suco), parreira (folhas em pó), nogueira (chá), pervínca (chá), rabo-de-cavalo (chá), romã (chá folhas e flores), salsa (folhas esmagadas pôr bolinha no nariz que sangra), salva (chá), sete-sangrias (chá), sarçamora (chá e aplicação externa), sempre-viva (chá), taquaruçu (cinza uso externo), trapoeraba (uso interno e externo), sucupira (chá), tansagem (chá), urtiga, urtigão (chá), urucu (semente em pó aplicação externa), uva (semente torrada), pó de casca de ovo (uma colher de chá por dia), algodoeiro, aroeira, erva-de-bicho, jambolão, jatobá, jequitibá, lanciba, quina-do-mato, urtiga-branca, verna, aperta-ruão, Acerola, burahen, jaborandi, lungaciba, mangue-vermelho, piper, quina-do-mato. Banhos frios de assento.

HEPÁTICO: condicionadora do fígado; estimula protege as funções do fígado; Boldo-do-chile, capeba/pariparoba. Ver fígado.

HEPATITE: inflamação do fígado; Alcachofra, Hepatozan (Alcachofra), quebra-pedra, flor-de-coral, guapeva, limão, celidônia, fragaria. Ver fígado.

HEPATOPROTETOR: ação protetora no fígado; que tem a propriedade de proteger o fígado contra agressões, tais como as provocadas por substancia que costumam causar hepatite. Ver fígado.

HEPATOTÔNICO: tonifica as atividades do fígado. Ver fígado.

HEPATOTÓXICO: tóxico para o fígado.

HEREDOGRAMA: arranjo dos pares cromossômicos distribuídos em ordem decrescente de tamanho.

HERMAFRODITA: flor que possui os dois sexos, masculino e feminino.

HÉRNIA: projeção de uma alça intestinal do apíploon ou de outra víscera abdominal através de uma cavidade natural ou acidental. As causas predisponentes são os esforços, ou exercícios violentos, os gritos (nas crianças), a tosse insistente (nos velhos). Para que a hérnia possa produzir-se entretanto, é necessário que os tecidos se encontrem em estado de franco relaxamento, ou que subsista no indivíduo uma predisposição congênita. Qualquer que seja a sede, a hérnia forma um tumor, às vezes, considerável, mole, indolente, não flutuante, reduzível à pressão; cipreste ou tuia (aplicar em compressas através do cozimento das frutas), beladona (compressas com as folhas ou de cozimento), hortênsia (aplicação das folhas), samambaias (aplicar como compressas), breu-em-pó (batido com clara de ovo, aplicar), Gengibre em pó (aplicar). Usam-se cintos apropriados para corrigir o mal; cataplasmas de cana-do-brejo para ajudar no tratamento. Quando este meio não dá resultado, recorre-se a uma intervenção cirúrgica.

HERPES SIMPLES: doença aguda, produzida por vírus e caracterizada pela formação de grupos de vesículas na pele e membranas mucosas, tais como bordas dos lábios e narinas, superfícies mucosas genitais.

HERPES: dermatose que se caracteriza por vesículas elevadas sôbre uma base inflamada; amor-perfeito (fazer banhos com a infusão das folhas e flores), araroba (banhos), bardana (chá), capim-rei, cará, cará-inhame (ralar e aplicar), canela, sassafrás, doce-amargo (banhos), ipê (chá), japecanga (chá), sucupira (semente, tomar o chá), timbó-boticário (banhos), limão, maravilha, trapoeraba, Unha-de-Gato, guaçatonga. Compressas quentes, regime frugal.

HERPES-ZOSTER: doença aguda, poriduzida por vírus, caracterizada por inflamação de um ou mais gânglios de raízes nervosas dorsais ou de gânglios de nervos cranianos. Apresenta-se como erupção vesicular dolorosa, na pele ou nas membranas mucosas, que se distribui ao longo do trajeto de nervos sensitivos, periféricos originados nos gânglios afetados.

HETERÓLOGO: que é diferente. Em genética são cromossômos que não se assemelham em forma, tamanho ou disposição de gens. Em mamíferos formam o par xy (ver x e ver y).

HETEROTRÓFO: organismo que, não sendo capaz de produzir seu próprio alimento, necessita obte-lo a partir de outro ser vivo.

HETEROZIGOTO: que vêm de zigotos diferentes. Gêmeos heterozigotos ou bivetelinos (de diferentes vitelos). (ver fraterno - ver híbrido).

HIALOPLASMA: parte líquida do citoplasma. O mesmo que citoplasma indiferenciado.

HÍBRIDO: em genética indivíduo que para certa característica apresenta gens alelos diferentes. O mesmo que heterozigoto.

HIDRATANTE: trata a pele com uma substância que devolve a umidade natural.

HIDRATO DE CARBONO: carboidrato; nome dado aos açucares cujas moléculas têm fórmula geral cn(h2o)n; o nome foi dado pela proporção dos átomos da fórmula (ver também monossacarídeos).

HIDROCELE: derramamento seroso na túnica vaginal, ou na túnica que circunda os testículos; limão. Sendo volumoso a bolsa da hidrocele, consultar o médico.

HIDROFOBIA: doença produzida por inoculação do vírus rábico por meio da mordedura de animais raivosos ou por outra forma, e que se manifesta por uma sensação de ardor e de estreitamento, na garganta, por espasmos convulsivos, excesso de furor, e quase sempre, pela aversão à àgua. A doença, aparece ordinariamente de 30 a 50 dias depois da mordedura; desenvolvida, dura de 3 a 9 dias e os doentes morrem geralmente depois de 4 a 9 dias em meio de uma modorra letárgica e após uma fase de atrozes espasmos, se não forem tomadas urgentes medidas; cainca, limão. Buscar o médico imediatamente após o contato. Sobre a mordedura deve-se, imediatamente, expremer limão em abundância e também beber o suco de 30 a 40 limões. A planta chamada "cainca" é igualmente indicada. Os banhos de vapor ou os suadores em geral, expulsam as substâncias morbosas do corpo, ajudam a diminuir o perigo. Estes são os recursos de que se deve lançar enquanto se espera o médico.

HIDRÓLISE: tipo de reação química em que ocorre quebra de ligações com a participação de moléculas de água.

HIDROPISIA: derramamento de líquido orgânico ou de serosidade num tecido celular ou em uma cavidade do organismo; acumulação anormal de líquido seroso em tecido ou cavidade do corpo; abútua, acariçoba, artemísia, bardana, cainca, cardo-santo, carnaúba, cipó-imbé, cocleária, coerana, erva-de-bugre, erva-tostão, fedegoso, gameleira, jurubeba, lentilha-dágua, limão, losna, maravilha, parietária, pinhão-do-paraguai, poejo, quebra-pedra, sabugueiro, trapoeraba, urtiga-vermelha. Consultar um médico. alfavaca, ananás, abacateiro, caapeva (pariparoba), canjerana, caraguatá, caroba, celidônia, guiné, gergelim, jaracatiá, sucupira, pega-pinto, umbu (folha), zimbro, caincá, salsa, sapé, beldroega, capim-pé-de-galinha, tansagem, Allium sativum, cana-do-brejo, Cavalinha, congonha-de-bugre, porangaba, chá-mineiro, chapéu-de-couro, cipó-cruzeiro, douradinha-do-campo, cabelo-de-milho, Jasminium arabicum, karatá, mastruço, pau-d’alho, perna-de-saracura, tomba, trianosperma.

HÍFAS: filamento que constitui os fungos multicelulares.

HIFEMA: hemorragia da câmara anterior do olho; hipoema.

HIGIENIZANTE: asseia a pele tornando-a saudável.

HIPERACIDEZ: com teor de acidez acima do normal; Espinheira-Santa, açoita-cavalo, amora-do-mato, anis, araçá-do-campo, bardana, Boldo-do-chile, camboatá, caqui, cipó-mil-homens, erva-cidreira, erva-de-raposa ou santos-filho, endro, funcho, Gengibre (bulbo), hortelã, juá (chá 5 frutinhas), laranja (casca), limão, losna, louro-preto, mamica-de-cadela (casca), paratudo (casca), pariparoba, pasto-de-anta, picão (folha e flor), pitanga, poejo, quebra-pedra, tansagem, paineira (casca), carqueja, Carvão Vegetal.

HIPERATIVIDADE NA INFÂNCIA: Lecitina de Soja, Lecitina de Soja Phytomare, .

HIPERCLORIDRIA: aumento da produção de ácido clorídrico no estômago, dando sensação de queimação; excesso de ácido clorídrico no suco gástrico; limão, robínia-acácia-falsa.

HIPERCOLESTEROLEMIA: aumento dos níveis de colesterol no sangue; Taxa normal 200mg%; suspeita 220 a 260; alta 260 a mais. Taxa dos triglicerídios normal 150 mg: suspeito 150-200; alta 200 a mais; Óleo de Alho, Carvão Vegetal, Alcachofra, Hepatozan (Alcachofra), Acerola, Lecitina de Soja, Lecitina de Soja Phytomare, Berinjela, girassol, alfafa, parietária, chapéu-de-couro, sete-sangrias, Quitosana Phytomare, chá-mineiro, congonha-de-bugre, vinagre de maçã (3 colheres de sopa por dia), farelo de aveia, Óleo de Peixe Phytomare, Gelatina de Peixe, Guaraná, alecrim, camomila, melissa, óleo de menta, pata-de-vaca, salva. Seguir regime alimentar, fazer jejum periódico Usar chás laxantes e diuréticos. Evitar abuso de gorduras, farinhas e açúcar.

HIPERGLICEMIA: excesso de glicose no sangue, característico da diabetes; abajerú, Acerola, agrião, araçá-do-campo, avenca, bardana, cajueiro, carambola, carqueja, cedro (casca), centeio, cerefólio, dente-de-leão, Garra-do-Diabo, gerânio, gervão, gervãozinho, grapiapunha, inhame-branco, insulina-vegetal, jambo, jambolão (tintura ou o pó da semente), jucá, jurubeba, erva-de-passarinho, erva-pombinha, gimnema, laranja (chá da semente), limão, macela, mançanilha, morrião, nogueira (folhas), óleo de eucalipto, oliveira, quebra-pedra, pau-ferro, pedra-ume-caá (folhas), pata-de-vaca, pau-amargo, pessegueiro (folhas), picão, poáia-branca, romã (casca ou folhas), rúcula, sabugueiro (chá), stevia, sucupira, tremoco (o pó de 3 grãos por dose), urtiga-branca, urtiga-vermelha, yacon.

HIPERPLASIA DA PRÓSTATA: aumento benigno da prósta devido à multiplicação das células que a compõem ou devido ao aumento do tamanho das células.

HIPERPLASIA PROSTÁTICA BENIGNA: saw-palmetto.

HIPERSENSIBILIZAÇÃO: qualidade de hipersensível.

HIPERTENSÃO arterial: pressão alta; tensão acima do normal exercida pelo sangue sobre as paredes dos vasos de um determinado órgão; tensão alta; a tensão normal oscila entre 12 a 14 (máxima) e 6,5 a 9 (mínima). Acima destes números, diz-se que há hipertensão. Ocorre comumente depois dos 50 anos, mas seu prognóstico é tanto mais grave quanto mais jovem for o paciente. Pode ter as mais diversas causas, porém nos adultos resulta principalmente da sífiles, obesidade e alcoolismo, afecções cárdio-renais, e distomas neuro-vegetativos; seguir um regime de verduras e frutas. Plantas que ajudam a baixar a pressão e na arteriosclerose diminuim a gordura nas artérias: acácia (20 folhas), agárico (tintura de 10 a 20 gotas por dia), agrião, alfavaca, ameixa-amarela, amora-branca, araticum, arnica (chá ou tintura), alecrim, Óleo de Alho (puro ou em gotas), assucará (casca), cacto (chá), cana-de-milho, castanha (folha), cauda-de-cavalo (depurativo), céleri, chuchu (chá), dente-de-leão (depurativo), erva-de-bugre (baixa a pressão e emagrece), erva-de-passarinho, espinho-branco, ervilha, feijão (vagens), folhas de cana-de-açúcar, fumeiro-bravo, giesta (nas complicações da vista), guaiaco, guabiroba, guaxuma, jaracatiá, mamão, Maracujá (na insônia), mil-em-rama, oliveira (tintura das folhas), paineira ou algodão-do-mato, pariparoba, pita, pitanga, santos-filho ou erva-de-raposa, salva, sabugo-de-milho, sabugueiro, samambaia (de talo escuro), sete-sangrias (depurativo e emagrece), sete-capote, tarumé, tília (flor), urtiga-branca, vacum, valeriana (uma colherinha, três vezes ao dia), sementes de bergamota (esmagar e deixar de molho e tomar um copo pela manhã), sarçamora (folhas), Berinjela, Alcachofra, Hepatozan (Alcachofra), sete sangrias, embaúba, quebra-pedra, cabelo-de-milho, cascas de maçã, casca de chuchu, chá de alpiste, raiz de cana, perna-de-saracura, chá de colônia, semente se salsa, suco de limão, acariroba, bardana, abacateiro, douradinha, mel puro, Spirulina Phytomare, Óleo de Peixe Phytomare, Cálcio de Ostras Enriquecido, magnésio, sal light, comer diariamente 1 a 2 quilos de peras, durante uns 10 dias. Banhos: de tronco, com fricções, banhos de calor crescente, compressas (quentes e frias), duchas (da cintura para baixo). Banhos de vapor são processos sudoríficos. Regime alimentar adequado.

HIPERTENSIVO: que favorece o aumento da pressão arterial; hipertensor. Ver hipertensão arterial.

HIPERTENSOR: hipertensivo; medicamento que serve para elevar a tensão ou pressão arterial; que aumenta a pressão sangüínea. Ver hipertensão arterial.

HIPERTIROIDISMO: presença no sangue de quantidades excessivas de hormônio da tireóide (seja devido a funcionamento anormal de glândula, seja por administração farmacológica) ou o estado orgânico resultante, que se manifesta por intensificação da atividade metabólica do organismo, aumento do volume da tireóide, emagrecimento, taquicardia e outros sintomas; hipertireoidismo.

HIPERTÔNICA: diz-se da solução cuja concentração em solutos é relativamente maior que a de outra (hipotônica).

HIPERURICEMIA: taxa anormalmente alta de ácido úrico no sangue; agrião, Alcachofra, Hepatozan (Alcachofra), arnica-do-mato, batata-de-sucupira, chá-mineiro, chapéu-de-couro, cipó-prata, cloreto de magnésio, congonha-de-bugre, cordão-de-frade, dente-de-leão, douradinha-do-campo, erva-pombinha, cabelo-de-milho, Guaco, japecanga, limão, pau-ferro, quebra-pedra, salsaparilha, samambaia, uva-do-mato, Gelatina de Peixe, abacateiro (folhas), alfavaca, beldroega, capim-pé-de-galinha, cipero, cardo-santo, chuchu, chá-de-bugre, erva-tostão, grama, losna, melancia, pixirica, sabugueiro, salsa (raiz), tiririca, trapoeraba, urtigão.

HIPNÓTICO: provoca hipnose, sono; que facilita e provoca o sonovaleriana.

HIPO: alternativas de contração e relaxamento da íris; angélica.

HIPOCOLESTEROLÊMICO: relativo a ou que apresenta hipocolesterolemia; reduz o colesterol sangüíneo, chá-verde.

HIPOCONDRIA: estado psíquico caracterizado por depressão nervosa e mórbida e preocupação com a própria saúde. Considera-se, modernamente, como uma nevrose, vizinha, por um lado, da lipemania e de melancolia verdadeira, e por outro da neurastenia; afecção mental em que há depressão e preocupação obsessiva com o próprio estado de saúde. O doente, por efeito de sensações subjetivas, julga-se preso a condições mórbidas na realidade inexistentes e passa a procurar, permanentemente, tratamentos que, além de descabidos, são muitas vezes perigosos (medicações, intervenções cirúrgicas, etc.); tristeza profunda; melancolia; alfazema, badiana, cardo-santo, erva-cidreira, fumária.

HIPOCONDRÍACO: relativo à, ou que tem hipocondria.

HIPOGLICEMIA: diminuição da quantidade normal de glicose no sangue.

HIPOGLICEMIANTE: hipoglicêmico; que diminui a concentração de açúcar no sangue; que reduz as taxas de glicose do sangue; substância que provoca diminuição da concentração ou taxa de glicose no sangue; abajerú, Acerola, agrião, araçá-do-campo, avenca, bardana, cajueiro, carambola, carqueja, cedro (casca), centeio, cerefólio, dente-de-leão, Garra-do-Diabo, gerânio, gervão, gervãozinho, grapiapunha, inhame-branco, insulina-vegetal, jambo, jambolão (tintura ou o pó da semente), jucá, jurubeba, erva-de-passarinho, erva-pombinha, gimnema, laranja (chá da semente), limão, macela, mançanilha, morrião, nogueira (folhas), óleo de eucalipto, oliveira, quebra-pedra, pau-ferro, pedra-ume-caá (folhas), pata-de-vaca, pau-amargo, pessegueiro (folhas), picão, poáia-branca, romã (casca ou folhas), rúcula, sabugueiro (chá), stevia, sucupira, tremoco (o pó de 3 grãos por dose), urtiga-branca, urtiga-vermelha, yacon, Óleo de Alho.

HIPOGLICÊMICO: hipoglicemiante; reduz os índices de glicemia (açúcar) do sangue.

HIPOSECRETORA: ação redutora nas secreções.

HIPOTENSÃO ARTERIAL: tensão abaixo do normal exercida pelo sangue sobre as paredes dos vasos de um determinado órgão; pressão baixa, tensão baixa.

HIPOTENSOR: hipotensivo; abaixa a pressão sanguínea; medicamento que serve para baixar a tensão ou pressão arterial; alfafa, arnica (flores), aveia (preparada do modo que mais gostar), cardo-marinho, canela, capim-cidrão, cenoura, centeio e trigo tostados e moídos num caldo de carne, cevada, espinho-branco (regulariza a pressão), limoeiro-da-pérsia (a casca da fruta), malte (mingau), pêra (fruta), pita (chá), serralha-braba, salva, sálvia-cidreira, salsa (chá das folhas e raízes), vinho natural, avelã (fruta), bolsa-de-pastor, casca-de-anta.

HIPOTIROIDISMO: insuficiência da atividade fisiológica da glândula tireóide; má condição orgânica resultante dessa diminuição acentuada, caracterizada por baixa taxa metabólica e perda de vitalidade.

HIPOTONIA: tonicidade ou tensão diminuída; hipotensão.

HIPOTÔNICA: que tem concentração de soluto suficientemente baixa para perder água para outra solução através de uma membrana seletivamente permeável.

HISTERIA: neurose complexa, mais frequente no sexo feminino, caracterizada por convulsões, perturbações intelectuais (mania de exageração, simulação, etc), podendo entretanto apresentar-se sem acessos convulsivos; alecrim-de-jardim, angélica, angelicó, camomila-romana, fumária, losna, manjerona, abútua (chá), agoniada (chá), alface (chá), artemísia (chá), açoita-cavalo (chá), capim-cidreira (chá), capim-cheiroso (chá), catinga-de-mulata, cerefólio, coentro, corticeira, cordão-de-frade, coronha, erva-cidreira, marroio-branco, melissa, quitoco, poejo, malva, sálvia-cidreira.

HlDROPISlA: derramamento de líquido seroso em tecidos ou em cavidade do corpo; a causa pode ser renal, cardíaca ou circulatória; abútua, Óleo de Alho, bowdichia, cainca, cana-do-brejo, Cavalinha, congonha-de-bugre, porangaba, chá-mineiro, chapéu-de-couro, cipó-cruzeiro, douradinha-do-campo, cabelo-de-milho.

HOLOENZIMA: complexo formado por uma enzima e seu co-fator (substância que ativa a enzima).

HOMEOSTASE: estado de equilíbrio das diversas funções e composições químicas do corpo (p.ex., temperatura, pulso, pressão arterial, taxa de açúcar no sangue etc.); Agaricus blazei.

HOMÓLOGO: que é igual. Cromossomos homólogos. São pares formados por cromossomos que apresentam o mesmo tamanho, a mesma forma e a mesma seqüência gênica.

HOMOZIGOTO: do mesmo zigoto (ver zigoto). Gêmeos homozigotos, são aqueles que vieram da mesma célula ovo (ou zigoto). Por isto apresentam a mesma carga gênica e apresentam o mesmo sexo. São também chamados univitelinos.

HORMOGONIA: espécie de reprodução que ocorre em seres pluricelulares filamentosos. Consiste no rompimento da cadeia celular. Cada pedaço de filamento se regenera em um novo ser.

HORMÔNIO: substância secretada diretamente por células de glândulas ou de órgãos endócrinos (em animais); hormônio de plantas são chamados fitormônios; os hormônios agem em pequenas quantidades dobre tecidos ou órgãos específicos (alvos do hormônio).

Visite nossa loja virtual e adquira produtos fitoterápicos de altíssima qualidade por preços especiais:

Produtos Complementos Alimentares.


Açaí Guaraná 60 Cáps. 550 mg.
Acerola Vitamina C, 60 Cáps. 400 mg.
Ácido Pantotênico Vitamina B5.
Agar-Agar 60 Cáp. de 410 mg.
Agaricus blazei 120 Cáps. 400 mg.
Agaricus blazei - Cogumelo-do-sol, 120 Cáps. 300 mg.
Agaricusol.
Alcachofra Gotas, 30 ml.
Alga Spirulina de 350 mg.
Alga Espirulina+Fibra Quitosana Bloquear absorção gordura, inibir apetite.
Alga Clorella de 300 mg.
Allium sativum Óleo de Alho de 250 mg.
Betacaroteno Vitamina A 60 cáp.
Bio-Ósteo 120 cáp. 500 mg.
Cálcio de Ostras Vit. D Magnésio Zinco.
Cálcio Magnésio Dolomita.
Cartilagem de Tubarão c/120, Phytomare.
Cartilagem de Tubarão c/60, Phytomare.
Cartilagem de Tubarão c/60, Nutryervas.
Cartilagem de peixe Bio-Ósteo 120 cáp. 500 mg.
Clorella de 300 mg.
Cobre Suplemento Mineral.
Cogumelo-do-sol 120 Cáps. 400 mg.
Cogumelo-do-Sol 120 cáp. de 300 mg.
Colágeno.
Cynara scolymus Alcachofra Gotas, 30 ml.
Diabetes Kit FQE
Dolomita Cálcio Magnésio.
Emagrecimento Kit FQE
Espirulina Spirulina maxima 60 Cáp. de 350 mg.
Espirulina + Quitosana Bloquear absorção de gordura e inibir apetite.
Extrato de Alcachofra Hepatozan Gotas, 30 ml.
Fat Blocker 120 cáp.
Ferro+Vitamina C
Fibras Fat Blocker Quitosana, Fibra Laranja, Psyllium, Vit. C, 120 cáp.
Fibras de Maçã.
Fibras: maçã, quitosana, Psyllium Nutri-Redux.
Fibras de Psyllium fibras de Plantago ovatae.
Fibras Quitosana + Espirulina Bloquear absorção de gordura e inibir apetite.
Fibras Slim Prime Plus quitosana, pectina, psyllium e vitamina C.
Fígado de Bacalhau, Óleo de.
Fósforo Suplemento Mineral.
Gérmen de Soja 120 Cáp. de 500 mg.
Glycine max.
Guaraná 45 cáp.
Guaraná 120 cáp.
Guaraná com Açaí 60 Cáps. 550 mg.
Hepatozan Gotas, 30 ml.
Lecitina de Soja de 500 mg.
Licopeno Betacaroteno Vitamina E
Linhaça, Óleo de Ômega 3 e 6, 60 Cáps. 500 mg.
Magnésio Vitamina D Zinco Cálcio de Ostras.
Magnésio Cálcio Dolomita.
Malpighia glabra - Acerola, Vitamina C, 60 Cáp. de 400 mg.
Manganês Suplemento Mineral.
Minerais e Vitaminas, Prime.
Mineral Cobre, Suplemento.
Mineral Fósforo, Suplemento.
Mineral Manganês, Suplemento.
Mineral Selênio, Suplemento.
Mineral Zinco, Suplemento.
Nutri-Redux Fibras: maçã, quitosana, Psyllium.
Obesidade Kit FQE
Óleo de Alho de 250 mg.
Óleo Fígado Bacalhau Vit. A e D, 60 cáp. de 250 mg
Óleo de Germe de Trigo, Vitamina E.
Óleo de Linhaça Ômega 3 e 6, 60 Cáps. 500 mg.
Óleo de Peixe Ômega 3 de 1000 mg.
Óleo de Prímula ômega 6 30 cáp. de 500 mg.
Ômega 3 Óleo de Peixe de 1000 mg.
ômega 6 Óleo de Prímula 30 cáp. de 500 mg.
Plantago ovatae 120 Cáps. 550 mg.
Prime Suplemento Vitamínico e Mineral
Prímula Óleo de.
Psyllium 120 Cáps. 550 mg.
Quitosana + Espirulina Bloquear absorção de gordura e inibir apetite.
Regimes Kit FQE
Selênio Suplemento Mineral.
Selênio+Vitamina E
Slim Prime Plus quitosana, pectina, psyllium e vitamina C.
Soja, Gérmen de 120 cáp de 500 mg.
Spirulina maxima Alga, 60 Cáp. de 350 mg.
Suplemento Mineral Cobre 60 Cáps. de 240 mg.
Suplemento Mineral Fósforo.
Suplemento Mineral Manganês.
Suplemento Mineral Selênio.
Suplemento Vitamínico e Mineral Prime
Suplemento Mineral, Zinco.
Vitamina A Betacaroteno.
Vitamina A e D Óleo de Fígado de Bacalhau.
Vitamina B5 Ácido Pantotênico.
Vitamina B6 60 Cáps. de 240 mg.
Vitamina C Ferro.
Vitamina C, Acerola, 60 Cáps. 400 mg.
Vitamina C e E.
Vitamina D 60 Cáps. de 240 mg.
Vitamina D Magnésio Zinco Cálcio de Ostras.
Vitamina E, Óleo de Germe de Trigo.
Vitamina E e C.
Vitamina E Selênio.
Vitaminas e Minerais Prime
Zinco, Suplemento Mineral.
Zinco Magnésio Vitamina D Cálcio de Ostras.

Plantas e Ervas Medicinais - PLANTAMED

AVISO LEGAL:
Nunca use fitoterápicos sem consultar um especialista.

As informações e produtos apresentados não podem substituir uma avaliação cuidadosa por parte do seu médico de confiança. Não é nossa finalidade efetuar consultas médicas, recomendação de tratamentos ou diagnósticos via Internet.

Não é nossa finalidade comentar, analisar, ou emitir pareceres sobre diagnósticos e tratamentos. Não comentamos resultados de exames. A interpretação de um exame não é estática nem absoluta. Só deve ser feita aliada ao quadro clínico e a história do paciente. Seu médico é o único que pode interpretar seus exames.

Insistimos para que leia com cuidado e atenção todas as informações dos produtos que deseja adquirir. Não nos responsabilizamos por uso indevido dos produtos ou combinações de produtos que por ventura você possa usar. Para saber qual produto deve usar, consulte sempre seu médico.


By Zulmiro Fonseca Google +