Plantamed
Última Revisão: 28/08/2014 17:04:59
PÁGINA INICIAL * Plantas por Nomes: POPULARES / CIENTÍFICOS.
Fotos por Nomes: POPULARES / CIENTÍFICOS * GÊNEROS * GLOSSÁRIO * DIVERSOS * PRODUTOS FITOTERÁPICOS

Bauhinia forficata Link. - PATA-DE-VACA

Nome científico: Bauhinia forficata Link.

Família: Fabaceae.

Sinônimo botânico: Bauhinia candicans Benth., Bauhinia brasiliensis Vogel

Outros nomes populares: árvore orquídea, bauínia, capa-bode, casco-de-vaca, casco-de-burro, ceroula de homem, miriró, mirorá, miroró, mororó, mororó-de-espinho, pata-de-boi, pata-de-burro, pata-de-vaca-branca, pata-de-veado, pé-de-boi, unha-de-anta, unha-de-boi, unha-de-boi-de-espinho, unha-de-vaca e unha-de-veado; brazilian orchid-tree (inglês); pezuña de vaca, pesña de vaca (espanhol).

Constituintes químicos: ácidos orgânicos (tartárico), alcalóides, cumarinas, esteróis, flavonóides (campferol, rutina e quercitina), guanidina, glicoproteína, glicosídeo, goma, heterosídeos cianogênicos e saponínicos, hidrato de carbono, holosídeo, minerais, mucilagens, pigmentos, pinitol, proteínas, quercetol, rammose, sais minerais, taninos(flobatênicos e pirogálicos), triterpenos.

Propriedades medicinais: antidiarréica, depurativa, diurética, hipocolesterolmiante, hipoglicêmica (antidiabética), laxante, purgativa, tônica renal, vermífuga.

Indicações: afecções renais e urinárias, calmante (estados nervosos), catarro, colesterol, constipação intestinal, diarréias, diabete melitus II (para o pâncreas produzir mais insulina), elefantíase, gripe, impedir o aparecimento de açúcar na urina, insufuciência urinária, males do estômago, moléstias da pele, mordidas de cobra, prisão de ventre, parasitoses intestinais, regularizar a glicemia sangüínea, reduzir a excreção de urina, nos casos de poliúria ou urina solta, rins.

Parte utilizada: cascas, folhas, flores, lenho, raízes.

Contra-indicações/cuidados: em caso de gestação ou lactação, usar somente sob orientação médica.

Efeitos colaterais: pode potencializar drogas antidiabéticas; é contra-indicada para pessoas com hipoglicemia.

Modo de usar: como hipoglicêmica: dose de 3g/dia de folhas, por 56 dias;
- infusão ou decocção sob forma de banhos: elefantíase e mordidas de cobra;
- infusão de 2 xícaras das de cafezinho da folha picada em ½ litro de água ou 1 folha picada por xícaras de chá. Tomar 4 a 6 xícaras de chá ao dia (diabetes); flores (purgativo).
- decocção de 1 colher das de sopa do pó da casca e folhas secas em 1 xícara de água. Tomar ½ a 1 xícara de chá ao dia;
- decocção: ferver 1 a 2 colheres das de chá de folhas em 1 xícara das de chá de água. Tomar 3 a 4 xícaras ao dia
- infusão a 2%: até 6 xícaras de chá ao dia;
- infusão de 2 colheres de sopa de folhas (e ou flores picadas) para 1 litro de água fervente. Tomar 3 a 4 xícaras do chá morno por dia;
- tintura: 20 gotas em ½ cálice de água, 3 vezes ao dia;

Foto é encontrada em:
Bauhinia-forficata.html
Bauhinia-forficata2.html
Bauhinia-forficata3.html
Bauhinia-forficata4.html
Bauhinia-forficata5.html

Algumas espécies do gênero: Bauhinia.

Se você tem dúvidas quanto ao significado de alguma das palavras usadas nesta página consulte no Glossário.


By Zulmiro Fonseca Google +