Plantamed
Última Revisão: 05/01/2014 13:28:29
PÁGINA INICIAL * Plantas por Nomes: POPULARES / CIENTÍFICOS.
Fotos por Nomes: POPULARES / CIENTÍFICOS * GÊNEROS * GLOSSÁRIO * DIVERSOS * PRODUTOS FITOTERÁPICOS

Bidens pilosa L. - PICÃO-PRETO

Nome científico: Bidens pilosa L.

Família: Asteraceae.

Sinônimo botânico: Bidens adhaerescens Vell., Bidens alausensis Kunth, Bidens chilensis DC., Bidens hirsuta Nutt., Bidens leucantha (L.) Willd, Bidens montaubani Phil., Bidens reflexa Link, Bidens scandicina Kunth, Bidens sundaica var. Minor Blume, Coreopsis leucantha L., Kerneria pilosa Lowe.

Outros nomes populares: amor-de-burro, amor-seco, carrapicho, carrapicho-agulha, carrapicho-cuambu, carrapicho-de-agulha, carrapicho-de-duas-pontas, carrapicho-picão, coambi, cuambri, cuambú, erva-de-picão, erva-picão, erva-pilão, fura-capa, furacapa, goambú, macela-do-campo, paconca, picão, picacho, picacho-negro, picão-do-campo, pico-pico, piolho-de-padre; beggar ticks (inglês); aceitilla (espanhol).

Constituintes químicos: acetilenos, ácido-p-cumárico, ácido linólico, ácido linoléico, ácido nicotínico, ácidos orgânicos, ácido salicílico, ácido tânico, aminas, beta-amirina, bioflavonóides, chalconas, cálcio, candineno, esculetina, esteróis, a-felandreno, fenilacetileno (1-fenil-1,3-diin-5-en-7-ol-acetato), fenilheptatriina, flavonóides, fitosterina-B, fitosteróis, fósforo, friedelina, friedelan-3-beta-ol, glicosídeos de aurona, glicosídeos (flavona matoxilado, quercetin-3,3'-dimetoxi-7-0-a-L-ramnopiranosil-(1®6)-b-D-glucopiranose, quercetin-3,3'-dimetoxi-7-0-b-D-glucopiranose); beta-D-glucopiranosiloxi-3-hidroxi-6(E)-tetradeceno-8, 10, 12-triino; hidrocarbonetos, limoneno, lupeol, mucilagem, okanina-3-glicosídeo, óleo essencial, a-pineno, policatilenos, poliacetilenos, quercetina, sais de potássio, sílica, beta-sitosterol, taninos, timol, tridecapentin-1-eno; trideca-2, 12-dieno-4, 6, 8, 10-tetraina-1-ol, trideca-3, 11-dieno-5, 7, 9-triina-1, 2-diol, trideca-5-eno-7, 9, 11-trieno-3-ol; triterpenos, xantofilina.

Propriedades medicinais: adstringente, amarga, antiartrítica, antibacteriana, antibiótica, antiblenorrágica, antidiarréica (as flores), antidisentérica, antiedêmica, antiemética, antiescorbútica, antiespasmódica, anti-hemorroidária, antiinflamatória, antileucorréica, antimalárica, antimicrobiana, antipirética, anti-reumática, anti-séptica, aperitiva, carminativa, catártica, cercaricida, cicatrizante, depurativa, desobstruente do fígado, diurética, emenagoga, emoliente, estimulante, expectorante, galactagoga, hemostática, hepatoprotetora, hipoglicemiante drástica, hipotensiva, hipotensora, mucilaginosa, odontálgica (a raiz), sedativa, sialagoga, tônica do sangue, tranquilizante, vermífuga, vulnerária.

Indicações: abscessos, afecção cutânea, aftas, amigdalite, angina, ativar o pâncreas na distribuição de insulina, blenorragia, cefaléias, cicatrização, colesterol, cólicas, cólica infantil, conjuntivite, diabete, disenteria, dismenorréia, distúrbios da menstruação, dores osteoarticulares, emagrecimento (auxiliar na dieta de), engorgitamento das glândulas mamárias, envenenamento, distúrbios hepáticos, dor de cabeça, dor de dente, edemas, escorbuto, fadiga, faringite, febre, feridas, fígado, gastroenterite, hemorragia pós-parto, hemorróida, hepatite, hepatite, hipertensão, icterícia, inapetência, indigestão, infecções do estômago e rins, infecções urinária e vaginal, inflamações da boca e da garganta, intoxicação alimentar, irritações da pele, irritação interna, laringite, leucorréia, micose, odontalgias, oftalgias, otorrinalgias, pâncreas, problemas de pele, problemas do estômago, resfriados, tumores, úlceras gastroduodenais, vermes.

Parte utilizada: toda a planta.

Contra-indicações/cuidados: não encontrados na literatura consultada.

Modo de usar: infusão de uma colher das de sopa (5g) da erva em ½ litro de água fervente. Tomar 2 a 3 xícaras ao dia: hepatite, icterícia, diabete, verminose;
- infusão de uma xícara das de cafezinho da planta picada em ½ litro de água. Tomar 1 xícara das de chá a cada 4 horas; gargarejo: amigdalite e faringite; compressas (pode-se usar o suco da planta, ao invés da infusão): feridas, úlceras, hemorróidas, assaduras e picadas de insetos;
- decocção (para uso externo) de 10 colheres das de chá de folhas em 1 litro de água: abluções, compressas tópicas ou gargarejos;
- suco de folhas frescas, contusas. Cmpressas em feridas e úlceras;
- banho: utilizar a decocção acima, 2 vezes ao dia: vulnerário e anti-séptico;

Foto é encontrada em:
Bidens-pilosa.html
Bidens-pilosa2.html

Algumas espécies do gênero: Bidens.

Se você tem dúvidas quanto ao significado de alguma das palavras usadas nesta página consulte no Glossário.


By Zulmiro Fonseca Google +